Bahia, 30 de Outubro de 2020
Por: CNN Brasil
28/09/2020 - 07:27:52

Com 44.158 candidatos, o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) é o partido com mais candidatos nas eleições municipais de 2020, em que serão eleitos vereadores, vice-prefeitos e prefeitos, de acordo com balanço do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), divulgado às 12 horas deste domingo (27).

O partido, presidido atualmente pelo deputado federal Baleia Rossi (SP), é seguido pelo Partido Social Democrático (PSD), que inscreveu 38.975 candidatos no TSE, e pelo Partido Progressista (PP), que tem 37.745 candidatos.

Em comparação com quatro anos atrás, porém, o MDB teve uma pequena queda de 0,74% em seus partidários que disputarão cargos eletivos neste ano – foram 44.489 candidatos em 2016.

Já PSD e PP aumentaram em mais de 30% seus números de candidatos. Enquanto o primeiro inscreveu 32,4% mais filiados (foram 29.421 em 2016), a legenda presidida pelo senador Ciro Nogueira (PI) aumentou em 34,6% (foram 28.031 há quatro anos).

Partidos que mais cresceram

O Novo é o partido com o maior aumento percentual de candidaturas. O crescimento de seus indicados aos cargos públicos foi de 330,56% – passou de 144 para 620 candidatos.

Destacam-se também o Podemos (Pode), que viu seus candidatos aumentarem em 104,99%, e o Partido Social Liberal (PSL), que cresceu 105,8%. Os dois partidos, aliás, estão entre os que mais cresceram em números absolutos.

O PSL lidera neste quesito, com 11.139 candidatos a mais neste ano (de 10.528 para 21.667), seguido pelo Democratas (DEM), com 10.583 inscritos a mais (de 21.953 para 32.536), e o Pode, que aumentou em 10.280 postulantes (de 9.791 para 20.071).

Partidos que recuaram

Por outro lado, a legenda com a maior diminuição proporcional de candidaturas foi o Partido Comunista Brasileiro (PCB), que passou de 243 inscritos em 2016 para 75 em 2020 (diminuição de 69,14%).

Já o Democracia Cristã (DC), que em 2016 disputou a eleição como Partido Social Democrata Cristão (PSDC), encolheu em 39,07% seu número de candidaturas: de 7.607 para 4.635.

Já em números absolutos, o Partido Verde (PV) foi o que teve a maior redução, com 5.089 candidatos a menos que que há quatro anos – em 2020 são 11.866 inscritos.

Veja + Reportagem Especial