Bahia, 06 de Outubro de 2022
Por: Ascom/ Prefeitura de Cabrália
16/08/2022 - 06:15:49

O Stop Over Santo André, em Santa Cruz Cabrália, foi um grande sucesso na última sexta-feira, 12 de agosto, quando velejadores de diversas partes do Brasil fizeram uma parada na localidade para passear, confraternizar e também contar com serviços de apoio náutico. Os participantes estão seguindo para a Refeno, tradicional regata que acontece há 33 anos, entre Recife e Fernando de Noronha.

Para receber com muito carinho os velejadores, um evento foi promovido no Píer João de Tiba, onde puderam ser recepcionados pelas autoridades municipais e pela comunidade, que comemorou o retorno de Santo André na rota dos veleiros. “É uma grande satisfação para nós contar com a presença de todos vocês e que todos estejam convidados para estarem aqui conosco nos próximos anos, que possam curtir nossas belezas, atrativos e todo carinho do nosso povo”, afirmou o Prefeito de Santa Cruz Cabrália, Agnelo Santos.

O casal de velejadores gaúchos Ana Mähler e Vitor Pereira estão navegando desde abril de 2021, quando resolveram, em plena pandemia, viver dentro do veleiro Papillon. “Aproveitamos o Stop Over e ficamos dez dias ancorados em Santo André, pois ficamos encantados com a beleza e receptividade do local”, afirmaram.

Segundo o Secretário de Turismo de Santa Cruz Cabrália, Paulo César Magalhães, o turismo náutico tem um potencial gigantesco e essa oportunidade de receber os participantes da Refeno é muito importante para o destino. “A partir dessa parada, eles podem replicar para milhares de velejadores sobre a estrutura e as belezas de parar em Santo André”, explicou o secretário.

E propaganda certamente não vai faltar se depender do velejador carioca Maurício Rosa que é mais um encantado com as belezas do local. “Já perdi as contas de quantas vezes estive aqui e o que mais me agrada é o carinho e receptividade”, disse Mauricio Rosa que é aposentado dos Correios e vive no veleiro desde 2009. “Vendi tudo que tinha e vivo dentro do meu barco. A gente aprende a ser minimalista, valorizar o essencial e fazer grandes amigos”, completou o velejador.

Veja + Notícias/Geral