Bahia, 11 de Agosto de 2022
Por: agazetabahia
29/06/2022 - 05:59:56

Na noite desta terça-feira, 28, véspera do Pedrão, uma decisão do juiz relator, Benício Mascarenhas Neto, do Tribunal de Justiça da Bahia caiu como um bamba na cabeça da população de Eunápolis e região.

Na dita decisão, prolatada à beira da grande festa, o magistrado diz claramente que está "Suspendendo todos os processos de pagamento", e não que está "Suspendendo o Pedrão", até que a Prefeitura promova a comprovação plena e integral de todos os gastos no prazo curto de 24 horas, a partir de ontem.

O juiz relator, com esta Tutela Antecipada provoca um dos maiores imbróglios da história dos eventos nesta região, aplicando como disse o juiz Roberto Freitas, "um remédio que pode fazer mais mal, que bem".
Advogados defendem que a Prefeitura agiu dentro da legalidade, com base no Orçamento, e garantem que a festa vai acontecer. Pedem tranquilidade! A prefeita Cordélia Torres esteve ontem à noite no circuito da festa, e durante coletiva confirmou que a festa começa nesta quarta-feira, com Zezé de Camargo e outras atrações.

Por outro lado, o que se ouviu nos quatro cantos da cidade foi um grande lamento, um verdadeiro clima de revolta e apreensão por parte dos ambulantes, barraqueiros e do comércio em geral. Dezenas de ambulantes já estão instalados nas imediações do circuito se preparando para trabalhar e ganhar o sustento. Tudo está pronto para a festa!

Veja + Notícias/Geral