Bahia, 16 de Outubro de 2021
CÂMARA MUNICIPAL

Câmara de Eunápolis abraça campanha e “veste” rosa para alertar sobre câncer
Quem esteve na Câmara Municipal de Eunápolis na manhã desta sexta-feira (08/10) ou pelo menos, acompanhou a sessão online por meio da página oficial do Facebook, viu o plenário da Casa de Leis tornarem o mundo cor de rosa. A decoração na tonalidade é uma das formas usadas pelo Legislativo eunapolitano para expressar seu apoio à campanha “Outubro Rosa”.
Por: Blog da Rosemarie
11/10/2021 - 07:29:52

Quem esteve na Câmara Municipal de Eunápolis na manhã desta sexta-feira (08/10) ou pelo menos, acompanhou a sessão online por meio da página oficial do Facebook, viu o plenário da Casa de Leis tornarem o mundo cor de rosa. A decoração na tonalidade é uma das formas usadas pelo Legislativo eunapolitano para expressar seu apoio à campanha “Outubro Rosa”.

Durante todo o mês, o movimento, de âmbito internacional, visa estimular as mulheres a realizarem exames periódicos para a detecção precoce do câncer de mama. Pelo mundo, a cor rosa é usada como símbolo da união dos povos pela saúde feminina.

Na Câmara, o apoio à campanha é visto desde a última sexta-feira (1º/10) e seguirá até o próximo dia 31. Começou pelos corredores com funcionários usando, sobre o peito, um laço de fita rosa, como marca do movimento, e seguiu com a adesão do presidente, Jorge Maécio (PP) e dos demais vereadores que sugeriram a decoração do plenário com balões na tonalidade que remete às mulheres.

De acordo com a vereadora Carmem Lúcia (PSD), “o objetivo da iniciativa é reforçar a divulgação da campanha, a fim de incentivar as mulheres a se prevenirem e de estimular a solidariedade àquelas que tiveram ou estão com câncer”.

VOTAÇÕES

Nesta sexta-feira, além do alerta para a prevenção os vereadores também aprovaram projeto de lei complementar de número 26/2021, de autoria de Renato Bromochenkel (Avante), que aumenta a tolerância nos estacionamentos rotativos pagos, denominado Zona Azul, de 10 para 15 minutos. Isso graças à alteração proposta ao capítulo IV do artigo 10º da lei municipal número 746/22/06/2010 (Código Municipal de Trânsito). A matéria ainda precisa ser sancionada pelo Poder Executivo.

Veja + Notícias/Geral