Bahia, 30 de Novembro de 2020
Por: A Gazeta Bahia
22/10/2020 - 21:55:15

O irmão da candidata a prefeita de Eunápolis, Cordélia Torres, o ex-vereador Normando Torres, solta áudio mais uma vez, revoltado com a impugnação do seu filho, candidato a vereador, Walas Torres,  pela Justiça Eleitoral. As conversas no meio político de Eunápolis, é que se trata de fogo amigo. Que gente do próprio grupo do ex-prefeito tinha interesse na impugnação de Walas.

Normando se mostra muito chateado e diz:  "olha aí, você está vendo ai, o que está acontecendo?  Vai adiante, e fala  que as coisas começaram a apodrecer. "Olha ai, você vai dizer o que agora?. Quando falo uma coisa, é porque a bomba está chegando. Vai aparecer coisas. Coisas piores ainda.
Existem conversas, no grupo da candidata do Democratas, que a impugnação de Walas foi provocada por gente da família, de dentro do grupo, com o intuito de garantir outras candidaturas de interesse pessoal. O chamado "fogo amigo". Este fato, ainda estamos apurando.

Uma coisa é certa. O indeferimento da candidatura de Walas, causou mal estar no grupo de Dapé, e muita revolta por parte dos familiares do sobrinho de Cordélia.
Nossa reportagem conversou com Walas, ele explicou   que o presidente do partido,  colocou a sua documentação por conta de um técnico,  no entanto, ficou faltando uma certidão da Justiça Federal, e que só tomou conhecimento desse fato, em cima da hora. Ressaltou, que a Justiça Eleitoral deu prazo de sete dias para apresentar o documento. 

Que esse prazo começou a contar desde ontem.  "Já entregamos a certidão na Justiça, e dentro de poucos dias, a nossa candidatura deve ser indeferida. Até porque, não respondo  a processos. Estou muito tranquilo.  Não existem possibilidades de indeferimento", finalizou Walas.

Ouça o áudio:

 

 

Veja + Notícias/Geral